marketing digital – Accelera Vendas

Inbound Marketing x Outbound Marketing: entenda a diferença entre eles e sua importância para os negócios

As tecnologias digitais transformaram a publicidade de maneira inimaginável mas, de certa forma, essa área da comunicação ainda é envolta em mistérios e novelos que resultam em estratégias diversas, como as que o Inbound e Outbound Marketing têm apresentado. 

Afinal, como uma empresa pode atrair usuários e gerar tráfego para uma loja virtual? Qual a melhor maneira de aumentar o reconhecimento de uma marca? 

Também é preciso questionar como uma empresa faz com que os usuários se tornem defensores e embaixadores de uma marca e, acima de tudo, qual a melhor estratégia para atrair o público-alvo?

A verdade é que existem diversas metodologias, estratégias, canais e táticas que os profissionais da publicidade utilizam para impactar as pessoas, sempre com uma visão apropriada em relação às etapas do funil de vendas. 

No entanto, para saber por onde começar, é preciso, antes de tudo, entender duas metodologias que existem na publicidade, e que servem muito bem para atingir os clientes: o inbound e o outbound marketing.

Para entender melhor essas diferenças, vale a pena seguir a leitura. 

As diferenças entre inbound e outbound marketing

O outbound marketing, ou marketing de saída, refere-se a atividades que interagem com os clientes de forma direta e unidirecional. Geralmente, está mais ligado ao método tradicional de propaganda.

Trata-se de uma abordagem de publicidade mais tradicional, em que o orçamento de uma campanha é voltada para canais há muito tempo presentes na vida da sociedade, como:

  • Jornais e revistas;
  • Outdoors e busdoors;
  • Rádio e TV;
  • Telemarketing.

As técnicas do outbound marketing lançam uma ampla rede com foco na aquisição em massa de clientes. 

Além disso, por ser uma estratégia vista como interruptiva, ela também se lança de novos canais digitais, podendo ser vista em modelos como banners e popups em sites ou mesmo vídeos propagandas em canais como o Youtube.

Por outro lado, uma empresa que escolhe utilizar técnicas de inbound marketing para oferecer um tratamento de ozonioterapia emagrece tende a seguir estratégias menos intrusivas e mais informativas, como o desenvolvimento de conteúdos.

Assim, é possível facilitar a descoberta dos serviços para um cliente em potencial nos primeiros estágios da jornada do comprador. 

Como alcançar os potenciais clientes com o Inbound?

As formas como esses usuários chegam até uma empresa, uma marca, um produto ou um serviço são diversas, como 

  • Blogs corporativos;
  • E-mail marketing;
  • PPC (Pay Per Click);
  • Redes sociais;
  • SEO (Search Engine Optimization).

Pode ser que uma pessoa tenha realizado uma pesquisa em uma plataforma digital de busca, e o site da empresa apareceu entre os resultados devido ao bom posicionamento de otimização de mecanismos de busca, ou SEO.

O marketing de conteúdo forte, aliado à alta qualidade e relevância do material produzido, leva os leads, ou seja, os clientes em potencial, à uma marca por meio do blog, ou de uma newsletter criada para um público realmente interessado no que uma empresa tem a dizer. 

Caso as plataformas sociais sejam ativas e envolventes, os leads podem encontrar uma clínica que realiza cirurgia de vesícula de forma orgânica, dentre tantos canais disponíveis. 

As técnicas de inbound marketing entram em uma estratégia de marketing digital que se antecipa ao que o consumidor deseja e onde ele pode buscar informações necessárias para seguir ao longo da jornada de compra. 

Tudo isso pode ser feito a partir do desenvolvimento de um conteúdo valioso e relevante para os mais diferentes clientes, em qualquer círculo de consumo. 

Cabe ressaltar, contudo, que as ações podem ser aliadas. Assim, o material relevante passa a ser divulgado, ou ações complementares são feitas, possibilitando um alcance mais segmentado e duradouro.

Qual das duas estratégias é mais eficaz?

Para responder a essa pergunta, vale ressaltar que tudo vai depender das finalidades de um negócio comercial. 

Assim, se uma empresa atua no setor digital, sempre será melhor trabalhar com inbound marketing desde o primeiro momento. 

No início, os resultados não se apresentam de maneira imediata. Porém, se fizer tudo certo, o impacto positivo sobre os negócios empresariais se mostra a médio e longo prazo. 

Por outro lado, se é uma empresa de pequeno porte, que atua em um mercado local, o outbound marketing pode oferecer a exposição necessária, exatamente como um modelo de negócios necessita. 

Já em relação a ações pagas no meio online, o outbound possibilita antecipar o público a ser alcançado, bem como mensurar as ações, tendo resultados mais a curto prazo. 

Contudo, conforme o tipo de campanha, apesar de ter custo flexível, a tendência é que o valor de patrocínio aumente a longo prazo e, finalizado o período de anúncio, o material para de ser veiculado.

Sendo assim, é possível investir em campanhas de marketing tradicionais para a divulgação de filme stretch no setor B2B (Business To Business), desde que haja evidências objetivas de que é possível alcançar o público-alvo de maneira eficaz. 

Isso não significa que essas metodologias sejam mutuamente exclusivas. Em vez disso, as técnicas de inbound e outbound marketing podem ser empregadas para atingir o público-alvo e, assim, atrair clientes de maneira segura e abrangente. 

Exemplo prático de inbound marketing

O inbound marketing é um método para se conectar com clientes em potencial, fornecendo materiais e experiências relevantes. 

Usando mídias como blogs e redes sociais, os profissionais de marketing esperam entreter e informar os espectadores com o conteúdo que eles procuram por conta própria. 

Essa estratégia tem como função conectar o público-alvo com conteúdo relevante, sempre utilizando mecanismos de pesquisa naturais e compartilhamentos de redes sociais. 

Veja o seguinte exemplo: Uma postagem em rede social de uma celebridade aborda sobre o produto favorito em relação ao serviço de seguro de carros valor acessível para a população, isso segmentará um comprador em potencial de uma maneira que um anúncio de banner não pode fazer. 

Essa abordagem de marketing mais pessoal tem uma vantagem adicional, isso é, ela pode alcançar aqueles que começaram a pesquisar por produtos em preparação para a compra. 

Os leads podem encontrar um produto ou serviço por meio de postagens em blogs e redes sociais, textos do site com palavras-chave estimulando o SEO, podcasts, vídeos e webinars. 

Quando os potenciais compradores clicam em um link que direciona para a jornada de compra, então é criado um tráfego de inbound marketing. 

O modelo tradicional do outbound marketing

O outbound marketing visa a geração de leads em que as empresas precisam conquistar clientes. 

Além disso, para as organizações que desejam estabelecer o reconhecimento da marca de forma ascendente, em um curto espaço de tempo, o outbound marketing é a técnica mais frequente para alcançar o maior número de pessoas, inclusive de forma segmentada, dentro do menor tempo possível. 

Algumas estratégias de outbound marketing não estão mais em alta, como anúncios em listas telefônicas, ou mesmo o telemarketing ativo. Dessa forma, a publicidade utilizando essas mídias ficou mais em conta. 

No entanto, as novas mídias vem ganhando destaque nesse modelo, ainda mantendo a vantagem de opções de valores mais flexíveis, conforme a área de atuação e nível de concorrência, por exemplo.

Assim, para uma instituição de ensino que oferece curso de bombeiro civil local ter melhor ROI (Return Over Investiment), ou seja, retorno sobre investimento em publicidade, pode recorrer às mídias tradicionais, criando uma presença ativa nas redes sociais e desenvolver materiais patrocinados em épocas específicas, conciliando com os conteúdos de valor.

Vantagens do inbound e outbound marketing

Enquanto o outbound marketing existe há muito tempo, por meio das propagandas de rádio e TV, anúncios de jornais e revistas e panfletos, ganhando novas formas com o marketing digital, o inbound se transformou e se consagrou nessas mídias, sendo direcionado para aquelas pessoas que buscam uma solução via ambiente digital.

Cada uma das técnicas possuem vantagens que valem ser destacadas. 

  1. Relacionamento amplo e duradouro

Embora certos tipos de inbound marketing, como a criação de e-books ou white papers possam, inicialmente, consumir tempo, o ROI é muito alto e atrativo. 

Como esses documentos são compartilhados em vários canais de redes sociais, sendo que alguns podem até mesmo viralizar, o alcance aumenta com pouco esforço por parte dos criadores. 

A natureza rica em conteúdo do inbound marketing sobre maquina de fazer velas preço acessível para os clientes em potencial significa melhor reconhecimento da marca. O mesmo se dá para outros temas que sejam de interesse do público-alvo do seu negócio.

Ao preencher um site com artigos voltados para a audiência, é possível se posicionar como uma autoridade do setor para os consumidores que pesquisam sobre determinado assunto.

O melhor do inbound marketing é que o relacionamento que se estabelece com os leitores, seguidores ou espectadores e uma empresa tem potencial de longevidade, podendo ser capitalizado ao longo do tempo. 

  1. Investimento atinge público abrangente

Apesar das críticas por parte dos profissionais da área de publicidade para o modelo enquanto veiculado em mídias tradicionais, o outbound marketing tem boas razões pelas quais ainda é responsável por grande parte dos esforços de marketing corporativo. 

Muitas pessoas ainda recebem as ligações de telemarketing via linha de transmissão, tratadas como chamadas frias, ou e-mails sem a personalização do inbound marketing, mas mesmo assim decidem participar de um evento ou marcar uma consulta após esse primeiro contato. 

A chamada fria é apenas uma das muitas abordagens que podem ser usadas em uma campanha voltada para o outbound marketing. 

Essas campanhas permitem que os profissionais da área de publicidade dimensionem os esforços caso a caso, escolhendo diferentes técnicas, de acordo com o público de uma Empresa de usinagem em SP, por exemplo,  que deve ser alcançado e o orçamento disponível.

Já em relação às plataformas online, é possível definir campanhas mais ou menos segmentadas, estimando o volume de pessoas que se pretende alcançar e o investimento necessário para isso.

Assim, há um maior controle orçamentário e, ainda que o alcance seja ampliado para diferentes nichos do público, a propaganda ainda é feita direcionada para potenciais consumidores.

Ou seja, alcança pessoas que têm perfil ou interesses que indicam predisposição a consumir com a marca, conforme padrões estabelecidos na campanha, sendo ações mais qualificadas e com melhor retorno.

Conclusão

Os profissionais que trabalham com marketing digital apresentam justificativas potentes quanto ao uso de inbound e outbound marketing dentro de uma campanha publicitária de sucesso. 

É possível expandir os canais de comunicação por meio da automação de marketing, assim como a automatização industrial está para o setor produtivo, desde que esteja voltada para ação da publicidade pelos meios digitais e uso da tecnologia disponível, melhorando os fluxos.

De fato, é possível alcançar resultados imediatos e de longo prazo, desde que seja desenvolvido um planejamento com estratégias que seguem o inbound e outbound marketing, envolvendo diferentes canais de mídia, do tradicional ao digital.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *